Home > Notícias > Trabalhadores dão recado ao Governo Temer no 31M: agora é greve geral!

03/04/2017 - Trabalhadores dão recado ao Governo Temer no 31M: agora é greve geral!

Na última sexta-feira (31/03), data que marca o aniversário do Golpe Militar no Brasil, os trabalhadores foram às ruas para, mais uma vez, lutar contra os ataques que a classe trabalhadora vem sofrendo do governo ilegítimo de Michel Temer, como as reformas da Previdência e trabalhista.

 

Diretoria do sindicato e delegados sindicais da Saúde compareceram em peso.

Cerca de 4 mil pessoas, entre sindicalistas e estudantes, concentraram-se na Esquina Democrática por volta das 17 horas. Gritos de "Fora Temer" foram ouvidos durante todo o percurso da marcha que percorreu a Avenida Borges de Medeiros até o Largo Zumbi dos Palmares. Ao final, as centrais sindicais reforçaram o chamamento para a greve geral no dia 28 de abril.

No momento em que milhares de pessoas protestavam por todo o país, Michel Temer sancionava em Brasília a Lei das Terceirizações, medida que trará mais precarização e exploração nas relações de trabalho.

 

Sindicatos que compõe o Fórum em Defesa da Previdência marcaram presença, assim como o Sindisaúde-RS.

O Sindisaúde-RS está na linha de frente dos protestos contra a Reforma da Previdência no Rio Grande do Sul, seja com a ação judicial que proibiu o Governo Michel Temer de divulgar sua propaganda enganosa, seja onde o sindicato deve estar: nas ruas, ao lado dos trabalhadores. Por isso, trabalhador(a) da Saúde, dia 28 de abril é greve!

 

Ato percorreu a avenida Borges e encerrou no Largo Zumbi.

Para conferir mais fotos clique neste link.