Home > Notícias > CAMPANHA SALARIAL 2018 - Sindihospa deve formalizar proposta na quarta-feira

24/05/2018 - CAMPANHA SALARIAL 2018 - Sindihospa deve formalizar proposta na quarta-feira

Na tarde de ontem, aconteceu nova rodada de negociação da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) entre Sindisaúde-RS e o Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre (SINDIHOSPA). Na próxima quarta-feira, a patronal deve formalizar uma proposta de CCT. Tão logo haja a oficialização, o Sindisaúde-RS levará o documento à apreciação da categoria.

Na próxima semana, uma proposta deve ser formalizada pela patronal. Até agora, já foram mais de 5 reuniões. (Crédito foto: Arlindo Ritter arquivo pessoal)

Encontro de ontem

“Destacamos na reunião as cláusulas econômicas, em especial a recuperação do poder de compra dos baixos salários. Ou seja, nossa ideia é prestigiar os trabalhadores com menor poder aquisitivo”, explicou o presidente Arlindo Ritter. Seguindo essa lógica, os principais pontos solicitados ontem pelo Sindisaúde-RS foram:

- Um valor mínimo de R$ 300 de reajuste para a categoria, independente do índice de reajuste que venha a ser convencionado.

- Pedido de abono relativo às perdas de 2016

- Piso mínimo regional para 180 horas (para estes contratos, o piso é hoje pago apenas proporcionalmente)

- Índice de reajuste salarial

O Sindihospa

O Sindihospa representa os prestadores de serviços de saúde privados com sede em Porto Alegre. Reúne hospitais, clínicas, residenciais geriátricos, laboratórios de análises patológicas e outras organizações do setor. A entidade e o Sindiberf são os dois maiores sindicatos patronais com quem o Sindisaúde-RS negocia – na base de ambos, encontram-se cerca de 25 mil trabalhadores representados pelo Sindisaúde-RS.